Violã0
Meu violão é um Groovin estilo Folk, cordas de aço D'Addario. Comprei este no final de 2008, gosto do som dele, geralmente toco ligado somente em um equalidador e delay.
Gravei com a banda Sexta Jovem o último programa de 2009 usando este violão, foi um programa realizado pelos Jovens Adventistas de Uberlândia - MG e Ministério Sexta Jovem.
Ouça alguns sons feitos com esse violão:

Som Clean: Há Um Lugar - Heloisa Rosa


Som Equalizer + Delay: Quebrantado - Vineyard



Viola Caipira
Intrumentos de cordas em geral me chamam a atenção, a alguns anos tive a curiosidade de aprender tocar viola caipira. Comprei essa violinha Marquês, aprendi alguns acordes e batidas, gostei demais da harmonia da viola, desde então nunca tive coragem de vender esse instrumento, possivelmente irá me acompanhar por muitos anos.
Ouça alguns sons feitos com essa violinha marquês:

Dedilhado


Batidão

Guitarra Condor KX-FM

Quando o projeto Sexta Jovem começou a pouco mais de 3 anos eu entrei na banda tocando uma guitarra emprestada de um amigo, eu não tinha nada, somente meu violão Goovin, mas eu gostaria mesmo é de tocar guitarra, sempre gostei do som de guitarras elétricas.
Toquei algum tempo na guitarra do amigo, até que um dia passando em uma loja de instrumentos musicais de Uberlândia vi essa guitarra Condor, esperimentei, nossa que som, que braço mais macio, fininho, não pensei muito e comprei, parcelei em uns 3 ou 4 pagamentos, não me lembro, mas estou com ela até hoje e não pretendo me dispor tão cedo. Há pouco tempo troquei a captação, coloquei captadores CABRERA, foi um UP bacana que fiz, futuramente vou colocar o Kit Sustainer da Fernandes. 
Ouça o som dessa guitarra com um pequeno trecho da música Deixa Jesus Entrar, que é de minha autoria:

Som Equalizer + Chorus + Delay + Flanger


Epiphone Standard

Essa guitarra dispensa apresentações, mas para quem não conhece, ela é a opção mais barata de uma Gibson, essa era uma guitarra de um colega, quando toquei nela me apaixonei, ela é o modelo standard, porém não tem o braço colado, o braço é fino e parafusado, braço fino é o que eu curto, nunca gostei de epiphones por causa do braço gordo, mas essa era diferente, comprei dele, pra mim foi uma das melhores aquisições que já fiz. Algum tempo depois levei ela no Vellozo Custon Guitars para dar um Up na guitarra, coloquei captadores originais Gibson USA 490t e 490r.
Foi surpreendente a mudança de som, gerada pela troca dos captadores, ficou praticamente uma gutiarra Gibson, hehehe, essa é outra guitarra que vai me acompanhar ainda por vários anos.
Ouça alguns sons gerados com essa guitarra:

Som Drive + Distorcion



Guitarra Squier Fender Classic Vibe

Além da guitarra Gibson, o sonho de consumo de qualquer guitarrista? uma guitarra Fender Stratocaster, não sendo diferente também sempre sonhei em ter uma Fender, finalmente decidi comprar uma, foi para São Paulo, rua Teodoro Sampaio, entrei em algumas lojas para testar o som das Fender, só tinha um problema, o preço, uma guitarra fender Mexicana, nova básica,  não custa menos de R$ 2.000,00 sem falar a Fender Americana, essa sim eu nem tinha eperança de comprar, bom cheguei em uma loja e vi uma guitarra Squier by Fender, mas eu sabia que Squier era pior que uma Fender Mexicana, bom, depende da Squier,
quando eu liguei essa Squier Classic Vibe foi maravilhoso, logo pensei, "já que estou aqui vou pegar uma guitarra de cada", foi assim que fiz, pedi ao vendedor todas as guitarras Fender para testar e escolher uma, claro que a fender americana foi só pra matar a vontade, pedi uma Fender Stratocaster American Standard, uma Fender Stratocaster Mexicana, uma Squier Bullet, uma Squier California e a Squier Classic Vibe. Testei o som de cada uma delas com calma, a Squier Bullet é lixo, a Squier Californa é um pouco melhor, porém o acabamento das duas é muito ruim, a Fender Mexicana foi a próxima, bem melhor, mas não chegava perto da Fender Americana, essa sim era perfeita, depois esperimentei a Squier Classic Vibe, nossa, que pegada, que braço macio, muito bem acabada, que som, captadores de primeira, acabamento de primeira, captadores e madeiramento é o mesmo da Fender Americana, essa guitarra Squier Classic Vide bateu forte na Fender Mexicana, nem se fala os lixos da Bullet e California, pra você ter uma idéia a nível de preço, essa Squier Classic Vibe tem o mesmo valor de uma Fender Mexicana, até mais cara, mas valeu a pena, acabei comprando essa mesmo.
Ouça alguns sons da Squier Classic Vibe
Som Clean
Som Drive

Guitarra Tagima Custo PR-100

Visitando uma das lojas de instrumentos musicais de Uberl?ndia, olhei essa guitarra na vitrine, a aparencia dela me chamou a atenção, como você pode ver nas fotos a guitarra é linda. Quando eu liguei a guitarra não pude acreditar o Sustain que ela gera, também os capatadores Wilkinson e o braço colado da tagima segura a nota muito tempo, isso me cativou, peguei uns pedais que eu tinha e que não estava usando e fiz um "jogo" com os meus pedais nessa guitarra, voltei uma grana,
 e comprei, estou extremamente satisfeito com o som, valeu mesmo a aquisição.
Ouça alguns sons dessa gutiarra:
Som Clean
Som Drive + MegaDistorcion



Pedais de Efeito

Em todo meu equipamento, o que eu acho mais bacana é o som dos pedais de efeito, geram um som muito único, limpo, psicodélico etc, essa é a vantagem de ter vários pedais, você pode gerar qualquer tipo de som.
Timbre é uma coisa muito particular, cada músico gosta de um tipo de som, comecei comprando pedais BOSS, dessa marca tenho 14, quando se liga pedais de uma única marca você não tem aquele chiado incômodo de quando se tira as mãos das cordas. Além dos pedais BOSS tenho um IBANEZ TS-9, um Wah Vox e um LINE 6 DL-4.
LINE 6 DL-4, esse é o "cara" do delay, além de ter vários tipos de delay programáveis, você ainda consegue gravar alguns minutos em loop, além de ter efeitos de reverse, auto volume, sintetizador e chorus, bacana mesmo.
RC-50 Loop Station, essa é uma estação de loop com 3 frases programaveis e independentes, cada uma dessas 3 frases pode receber gravação em overdub com gravação total de 45 minutos, é muito bacana você tocar e gravar o que está tocando, você programa a bateria ajusta o tempo e grava tudo, liga no computador e edita sua música, por exemplo os sons gerados acima foram gravados com o uso deste equipamento.


Harmonia Gravada na LoopStation